23 de junho de 2015

Discurso de Péricles aos Atenienses



Retirado DAQUI

Deixai-os em treino permanente
Como se a vida fosse apenas exercício
Atenas ama o vinho e a poesia
E Esparta o sacrifício


Que nos acusem de vida fácil e leviandade
Que digam que não sabemos guardar segredo
Nem combater
Em Atenas reina a liberdade
E em Esparta o medo

A nossa força é a diferença

Não são precisas provações nem disciplina
Atenas vive como quer e como gosta
Porque a nossa coragem não se aprende não se ensina
A nossa é de nascença
E não imposta

Deixai-os pois dizer que vão vencer
Eles fogem da vida por temor da morte
Nós vamos para a morte por amor da vida
E enquanto Esparta só combate por dever
Nós iremos lutar com alegria

Por isso Atenas não será vencida

(Manuel Alegre)



3 comentários:

  1. Olá Ju ! :)) ... Afinal aqui , há mais política do que lá, que é mais economia e finanças ! :)))
    Bom S. João com martelinho ! Rsrs

    ResponderEliminar
  2. Profundo este poema do Manuel Alegre!

    Beijinho Ju
    Adélia

    ResponderEliminar
  3. Com a devida vénia, destaco:
    'Por isso Atenas não será vencida'

    Beijinho

    ResponderEliminar