15 de outubro de 2015

Madrigal



"A minha história é simples.
A tua, meu Amor,
é bem mais simples ainda:

'Era uma vez uma flor,
Nasceu à beira de um Poeta...'

Vês como é simples e linda? 

(O resto conto depois,
mas tão a sós, tão de manso
que só escutemos os dois)."

(Sebastião da Gama) 

2 comentários:

  1. À mulher

    Ivone Boechat

    Mulher, nunca desista
    de ser campeã na olimpíada
    dessa correria,
    amanhã tudo será melhor:
    os filhos crescem,
    as lutas rejuvenescem,
    você está cada dia
    mais linda e maior.
    Mulher, vai de cabeça erguida,
    porque o Senhor não erra,
    tinha que honrar sua imagem,
    primeiro fez o rascunho
    de um ser superior,
    refez o projeto,
    fez seu veto divino,
    retocou,
    multiplicou
    a dosagem de amor,
    refez a embalagem:
    no modelo anterior
    não cabia
    esse gigante
    interior.

    ResponderEliminar
  2. À mulher

    Ivone Boechat

    Mulher, nunca desista
    de ser campeã na olimpíada
    dessa correria,
    amanhã tudo será melhor:
    os filhos crescem,
    as lutas rejuvenescem,
    você está cada dia
    mais linda e maior.
    Mulher, vai de cabeça erguida,
    porque o Senhor não erra,
    tinha que honrar sua imagem,
    primeiro fez o rascunho
    de um ser superior,
    refez o projeto,
    fez seu veto divino,
    retocou,
    multiplicou
    a dosagem de amor,
    refez a embalagem:
    no modelo anterior
    não cabia
    esse gigante
    interior.

    ResponderEliminar